Catupiry com alho e ervas

catupiry

Dica de entradinha super básica mas que é uma delícia. Que tal preparar para sua ceia de reveillon?

INGREDIENTES:

  • 1 pote de catupiry (catupiry mesmo e do potinho redondo);
  • 1/2 xícara de chá de azeite de oliva;
  • 5 dentes de alho (se gostar muito pode colocar mais);
  • Ervas frescas a gosto.

MODO DE PREPARO

Retire o catupiry do potinho, inteiro e sem perder o formato e o acomode em um prato (não pode ser raso). Em uma frigideira coloque o azeite e o alho cortado em lâminas. Mantenha sempre o fogo baixo e mexe de vez em quando. Quando o alho começar a ficar mais amarelinho coloque as ervas frescas, neste caso utilizamos manjericão roxo, alecrim e orégano. Deixe incorporar bem os sabores. Faça pequenos cortes na superfície do requeijão e despeje todo o azeite. Sirva com pães e torradinhas.

Foto: Quintal do Talho. Dica: Fernanda Lima Cunha

 

 

Pãozinho recheado

Hoje em dia ficou muito fácil e prático trabalhar com massa folhada. Ninguém mas faz em casa pois temos diversas opções prontas, congeladas e de excelente qualidade.

É sempre bom ter um rolinho ou caixinha no freezer que pode quebrar um galho com uma visita inesperada ou para impressionar seus amigos e familiares.

Já demos um belo exemplo aqui com as Rosas de maçã e agora mais uma dica incrível.

Estes pães são super fáceis de fazer e com mil possibilidades de recheios.

  • Tire a massa do freezer meia hora antes de trabalhar para amolecer;
  • Basta abrir a massa em quadrados ou retângulos – de acordo com o tamanho que deseja. Dá para fazer pequenos pães até uma trança maior;
  • Faça pequenos cortes em duas laterais deixando um “corredor” no centro para o recheio, como mostra a imagem;
  • Rechear com o que quiser, o da foto tem peito de peru e tirinhas de muçarela;
  • Para fechar é só puxar as tiras laterais, intercalando o lado direito com o esquerdo até o final;
  • Levar em forno médio, pré aquecido, por mais ou menos 30 minutos ou até ficarem douradinhos.

croassant tutorial

Possibilidade de recheio – algumas com gostinho de natal:

  • queijo brie com damasco ou pera;
  • presunto, queijo, tomate, azeitonas e orégano;
  • quatro queijos;
  • ratatouille;
  • frango com catupiry;
  • presunto com requeijão;
  • bacalhau desfiado;
  • tender com abacaxi;
  • pernil desfiado com cebola e pimentões;

Enfim, deixe sua criatividade solta e recheie com o que quiser.

Espero que gostem.

Fotos: Quintal do Talho. Tutorial: atdigital.com.br

 

 

 

Farofa de couscous marroquino

Gosta de farofa mas fica sempre na de farinha de milho ou mandioca? Quer inovar? Então teste esta receita.

FAROFA1

Aqui utilizamos o couscous (ou cuscuz) marroquino, um alimento que surgiu na região do Magreb (que compreende Tunísia, Marrocos e Argélia). Há registros do prato de duzentos anos antes de Cristo e é um preparo com a sêmola de trigo que, durante seu cozimento, emite um som que os africanos relacionaram a “cous cous“, por isso o nome.

Esta farofa fica bem crocante já que não hidratamos o cuscuz como nas receitas tradicionais. Os ingredientes você pode variar como numa farofa tradicional e fazer de acordo com seu paladar.

INGREDIENTES:

  • 02 xícaras de chá de cuscuz marroquino (o da Tipiak é bem fácil de encontrar e eu gosto bastante)
  • Meia xícara de chá de água;
  • 01 linguiça calabresa defumada;
  • 1 pedaço de bacon (aproximadamente 50g, mas pode colocar a gosto);
  • Meio pimentão verde; meio pimentão vermelho e meio pimentão amarelo;
  • 04 dentes de alho;
  • 01 colher de sopa de azeite;
  • Sal a gosto;
  • Páprica doce a gosto;
  • Uma pitada de canela em pó;
  • 01 colher de chá de açúcar mascavo;
  • 02 colheres de sopa de cebolinha, ou cheiro verde.

MODO DE PREPARO: 

  • Refogue o bacon, deixe bem fritinho e junte o alho. Coloque o cuscuz marroquino, uma pitada de sal, uma de páprica e sempre mexendo para não queimar.  Deixe ele ir tostando.

FAROFA2

  • Durante este processo vá pingando a água para dar uma leve cozida (se não ele fica muito duro e queremos crocante, mas não “crú”), meia xícara será o suficiente. Quando o cuscuz estiver dourado está pronto.
  • Retire ele da panela e reserve, na mesma panela, sem lavar coloque o azeite e de uma refogada nos pimentões e na linguiça. Neste momento eu coloquei uma pitada de canela e um pouco de açúcar mascavo, que deu um toque especial e um aroma muito agradável, porém é opcional. A canela combina muito com carne suína e bovina e o açúcar mascavo carameliza e envolve toda a linguiça.

FAROFA3

  • Hora de juntar o cuscuz e a cebolinha. Prove, se necessário ajuste o sal. Cuidado, pois a calabresa tende a ser salgada.

O prato está pronto e é só servir.

FAROFA4

Espero que tenham gostado.

Fotos: Quintal do Talho

Ovos cozidos com bacon na batata

01

Oi pessoal, vim com mais uma receita super simples de fazer e que agrada toda a família.

Quem não ama batatas? E bacon?????

Vou descrever os ingredientes para fazer uma batata, aí vocês podem considerar uma unidade por pessoa.

INGREDIENTES:

02

  • 01 batata inglesa;
  • 01 fatia de queijo muçarela* cortado em quadradinhos;
  • 01 pedaço pequeno de bacon cortado em cubos;
  • 01 ovo;
  • Sal a gosto.

MODO DE PREPARO:

03

 

04

  • Cozinhe as batatas, com casca, até ficarem macias;
  • Pré-aqueça o forno;
  • Faça um corte no sentido do comprimento (conforme imagem) e com uma colher retire o miolo com cuidado para não rachar a batata;
  • Acomode a batata em uma forma ou refratário – é melhor montar o recheio com a batata já dentro da assadeira;
  • Forre o fundo da batata com o queijo;
  • Quebre o ovo, deixe ele inteiro e coloque os cubinhos de bacon ao redor.
  • Coloque uma pitada de sal – aqui usei um sal moído na hora com algumas ervas secas;
  • Leve ao forno por 15 ou 20 minutos a 200º.

Sirva com molho sour cream ou uma saladinha verde. Gosta de culinária americana? Pode ser café da manhã, rsrsrs.

04A

05

Bom apetite 😉

* Algumas pessoas ficam espantadas quando se deparam com muçarela escrito com “ç”. Mas é assim mesmo. Palavras que no italiano tem duplo z ficam com ç em português.

 

Fotos: Quintal do Talho

 

Frango ao molho de laranja com conserva de siciliano, cebola e alho.

frango com laranja

Postamos uma foto de uma receita nossa de frango ao molho de laranja com cebolas, conserva de limão siciliano e alho e deixamos vocês com água na boca. A querida Marina Terra Cruz pediu a receita e não podemos deixar de atender seu pedido.

Esta é uma versão mais leve e saudável do clássico frango com redução de balsâmico, isto porque tiramos a pele e o vinho. Neste caso utilizamos uma conserva de limão siciliano que preparamos há mais de um mês, mas que pode ser substituído por limão siciliano fresco ou laranja bahia fresca.

Vamos ao passo a passo:

INGREDIENTES:

  • 500g de sobrecoxa desossada e sem pele;
  • 2 colheres de sopa de azeite para grelhar;
  • 1 limão siciliano em conserva (abaixo tem dica de como preparar) ou 1 limão siciliano fresco ou 1 laranja bahia cortada em gomos – escolher apenas uma opção;
  • Suco de duas laranjas
  • 2 cebolas pequenas – branca ou roxa – corte camponesa (cortar em 4 partes no sentido do comprimento);
  • 4 colheres de sopa de balsâmico;
  • sal e pimenta a gosto;
  • 4 dentes de alho;
  • alecrim seco a gosto.

MODO DE PREPARO:

Ligue o forno e deixe pré-aquecendo em temperatura baixa.

No fogão, aqueça o azeite em uma frigideira de boca bem larga. Coloque o frango e na sequencia adicione sal e pimenta a gosto. Deixe dourar até ficar bem moreninho. Vire, e coloque mais um pouquinho de sal e deixe dourar também.

Agora acrescente as cebolas, o limão ou laranja em pedaços, o suco de laranja, o alho e o alecrim. Refogue por uns 4 minutos. Acrescente o balsâmico e abafe pelo menos tempo. Tire a tampa e continue refogando por mais alguns minutos, até o molho reduzir e ficar mais encorpado. Isto é fundamental para que os sabores incorporem bem no frango.

Em seguida, coloque os pedaços de frango em um refratário, jogue o molho e leve ao forno, agora em temperatura alta (ao menos 280º). Deixe de 15 a 20 minutos.

Se você tiver uma panela ou frigideira que pode ir ao forno pode usar, assim não precisa usar uma frigideira e um refratário. O frango vai fortalecer a cor dourada e, a cebola e o limão ou laranja ficam tostadinhos, mas de modo delicado.

O aroma deste prato é incrível, deixa a cozinha toda perfumada.

Está pronto! Só servir. Pode ser uma saladinha verde com arroz integra.

Dica –  CONSERVA DE SICILIANO

Para fazer uma conserva de siciliano basta lavar bem os limões, pois utilizaremos com casca e cortar camponesa (4 partes iguais no sentido do comprimento).

Pegue um vidro bem limpo coloque os pedaços de limão, cubra com sal grosso e tampe bem.

Deixe descansar na geladeira. Vai saber quando está pronto quando o sal derreter, vai ficar líquido. Este procedimento leva de uma a dois meses.

Este limão fica muito bom para peixes e frangos assados, cozidosou na brasa.

Antes de utilizar lave bem os pedaços, pois fica bem salgado.

Esperamos que gostem de mais esta dica.

Até a próxima.

Rosas de maçã

ROSA 01

A receita de hoje é puro charme. Que tal surpreender quem você ama com lindas rosas de maçã? Que tal retribuir o carinho que tanto recebe da mãe, pai, amig@, irm@, namorad@, companheir@, marido, mulher, vizinh@, ou mesmo chamar as amigas para um chá da tarde.

Olhando a foto para complicado né? Mas só parece. Esta belezinha é bem simples de preparar e enche os olhos de quem receber.

Basta seguir este passo a passo e se encher de orgulho, pois no final vai dar certo. Garantimos.

 Vamos aos INGREDIENTES:

  • 400g de massa folhada (uso sempre Arosa ou Massa Leve);
  • 6 maças pequenas;
  • Geleia da sua preferência (nesta receita usei uma geleia caseira de laranja);
  • 1 limão grande;
  • 1 colher sopa de açúcar;
  • Canela para polvilhar – opcional.

PREPARO:

Lave bem as maçãs, corte ao meio e retire as sementes. Não tire a casca. Guarde o miolinho com as sementes e faça um chá para servir junto, fica uma delícia.

20141030_145837

Com a ajuda de um fatiador faça lâminas de todas as maçãs. Coloque-as em uma panela, junte o suco do limão e polvilhe açúcar. Deixe no fogo por uns 3 minutinhos. Retire do fogo.

Abra a massa e faça tiras de mais ou menos 4 cm de largura por uns 30 cm de comprimento. Pode ser a própria largura da massa.

Passe geleia na massa, mas sem exageros ok?

20141030_150814

Coloque as maças conforme a foto, metade para dentro e metade para fora, procure deixar as curvinhas da maçã aparente.

20141030_151005

Dobre a massa ao meio e comece a enrolar. Neste momento você já terá a certeza que vai dar certo.

20141030_151147

Rolinhos feitos basta polvilhar um pouco de açúcar e canela e colocar em forminhas para não abrir. Pode ser forminha de cupcake, de empadinha, de muffins, etc.

20141030_151825

Leve ao forno pré aquecido e asse por aproximadamente 40 minutos a 200º.

20141030_152454

Prontinho. Este é um doce super suave e delicado. Combina muito bem com o café ou chá da tarde, mas se quiser pode servir quentinha com sorvete de creme após o jantar.

ROSA 02

 

Fotos: Quintal do Talho

 

Geleia de pimenta #ChilliLovers

Foto Quintal do Talho

Pimenta é tudo de bom. Ingrediente cheio de personalidade, presença marcante e, para muitos, afrodisíaca.

Existem muitos estudos sobre os benefícios da pimenta na saúde do homem e os principais foram listados pela Jornalista Aline Mendes:

Potencial efeito antioxidante – Previne o envelhecimento precoce. As pimentas do gênero Capsicum (vermelha, malagueta, dedo-de-moça, cambuci, jalapeño, americana, cumari-do-pará, de cheiro, murupi, etc.) possuem propriedades antioxidantes devido à presença de capsaicina (que confere ardência e propriedades funcionais no organismo). Os antioxidantes atuam na prevenção de doenças crônicas como cardíacas, diabetes, câncer, além do envelhecimento precoce.

Prevenção de doenças crônicas – Por se rica em potenciais antioxidantes como carotenoides, flavonoides e vitamina C, o consumo de pimenta pode atuar na prevenção de doenças crônicas, como o diabetes e o câncer. Contribui também como desintoxicante do sangue, ativa o sistema imunológico e é considerada um alimento funcional.

Auxilia na digestão e protege a mucosa – A ingestão de pimentas aumenta a salivação (auxiliando na mastigação e protegendo a saúde bucal), estimula a secreção gástrica (aumentando a produção de enzimas e sucos gástricos, o que contribui para a digestão) e a motilidade gastrointestinal (promovendo a sensação de bem-estar após a ingestão). A capsaicina apresenta um efeito gastroprotetor contra lesão da mucosa gástrica, devido a um aumento na

Efeito termogênico (acelera o metabolismo) – Sua ingestão eleva a temperatura do organismo, o que pode aumentar o gasto calórico. A capsaicina é capaz também de prevenir o acúmulo de gordura na região abdominal.

Coadjuvante no emagrecimento – O uso da pimenta vermelha durante as refeições, estimula o sistema nervoso, produzindo aumento da liberação de catecolaminas, noradrenalina e adrenalina, com consequente diminuição do apetite e da ingestão calórica, bem como de gorduras nas refeições seguintes. Isso mostra que a pimenta pode ser útil ao emagrecimento.

Promove o controle do colesterol/saúde cardíaca – O consumo de pimenta pode ajudar a manter a pressão arterial em níveis normais, como também manter os níveis de LDL colesterol e triglicerídeos sob controle.

Proteção contra o câncer – Os fitoquímicos presentes na pimenta são considerados quimiopreventivos. A capsaicina possui propriedades antimutagênicas e anticarcinogênicas.

Atua na prevenção do diabetes – Constatou-se em estudos que a capsaicina causa redução no nível de glicose sanguínea aumentando o nível de insulina.

Atua no sistema circulatório – Por conter vitaminas A, C, do complexo B, potássio e cálcio, a pimenta pode ser benéfica não somente à saúde do coração, como também ao sistema circulatório. Apresenta propriedades vasodilatadoras, impedindo a formação de coágulos e aumentando o calibre de vasos sanguíneos, fatores que reduzem as chances de um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral.

Combate a depressão, melhora o humor e promove alívio da dor – A adrenalina e a noradrenalina também são responsáveis pelo estado de alerta, fato da pimenta estar também associada à melhora de ânimo em pessoas deprimidas. Sua habilidade de aumentar o fluxo sanguíneo periférico pode ser útil em casos de enxaqueca e depressão. Além disso, atua no sistema imunológico, fortalecendo o corpo contra invasores infecciosos. A capsaicina é útil para dor de cabeça, em casos de mucosite oral, alergia cutânea e tumor de pele.

Nutre o organismo – O valor nutricional da pimenta é relevante, possuindo vitamina A (carotenoides), C e E, vitaminas do complexo B (tiamina, niacina, riboflavina), além de minerais como potássio e cálcio.

Ação anti-inflamatória – Estudos apontam que a capsaicina apresenta propriedades anti-inflamatórias. A recomendação é o consumo de até 30 mg/dia de capsaicina para que se obtenha algum efeito terapêutico. O que equivale a seis unidades da pimenta dedo-de-moça ou ½ pimenta malagueta.

Como sugestão, vamos ensinar vocês uma deliciosa receita de geleia de pimenta que vai bem com praticamente tudo. Pode usar para marinar carne suína e cordeiro ou simplesmente ser o acompanhamento da carne assada. Pode fazer deliciosos sanduíches de pastrami e salmão defumado, rosbife caseiro. Combina muito bem com diversos tipo de queijos, enfim, tudo é permitido.

GELEIA DE PIMENTA

Grau de ardência: 

INGREDIENTES:

02

  • 100g de pimenta dedo-de-moça;
  • 50 ml de suco de abacaxi;
  • 50 ml de água;
  • 100g de açúcar refinado (equivalente a 5 colheres de sopa cheia).

MODO DE PREPARO:

03

  • Retire toda as sementes da pimenta-dedo-de-moça. Para isso corte ela no sentido do comprimento e utilize uma colher para raspar as sementes. Corte em brunoise (cubinhos bem pequenos);
  • Bata no liquidificador a pimenta, o suco de abacaxi, a água e o açúcar;
  • Leve a mistura para panela e deixe ferver. Baixe o fogo e deixe reduzir até se tornar uma geleia.

04 pi

ATENÇÃO: utilize uma luva descartável ou lave muuuuuuuuuito bem as mãos após manusear a pimenta. Cuidado com a boca e olhos, ok?

Porque utilizamos o abaxi na base?

Abacaxi é um fruto rico em pectina, um composto muito importante para a digestão. A pectina forma uma espécie de gel juntamente com a água, que  ajudará a formar a textura da geleia sem nenhum aditivo industrializado além do açúcar.

Sugestão de consumo:

LOMBO

Lombo marinado com geleia de pimenta

BRIE

Geleia de pimenta com cream cheese

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: 12 benefícios da pimenta por Aline Mendes http://wp.clicrbs.com.br/barradecereal
Fotos: Quintal do Talho | Fotos sugestão de consumo: ilustrativas

Purê rústico de batata doce – Prático e rápido

0101

A dica de hoje é para quem gosta de praticidade e pouca bagunça.

Este purê de batatas, além de muito gostoso é super fácil de preparar e sem fazer sujeira na cozinha. Esqueça o fogão e vamos cozinhar as batatas no vapor no microondas.

Sim, é possível preparar legumes no vapor desta maneira, desde que criamos a possibilidade de uma vaporização extra. Neste caso será com a ajuda de limão, ele irá dar umidade impedindo que as batatas fiquem ressecadas.

INGREDIENTES:

  • Duas batatas doce grandes;
  • Uma batata inglesa média;
  • Um limão grande de sua preferência – siciliano, galego, vinagre (neste caso usei 3 limões do nosso quintal, são orgânicos e bem pequenos);
  • Sal a gosto;
  • Ervas a gosto (salsinha, cebolinha, coentro, alecrim – o que mais lhe agradar);
  • Pimenta dedo de moça – opcional, mas dá um toque especial;
  • Noz moscada – opcional.

MODO DE PREPARO:

02

  • Higienize as batatas, descasque-as e corte em pedaços grandes;
  • Coloque em um recipiente que possa ser levado ao microondas;
  • Lave o limão, corte ao meio e coloque no recipiente;
  • Feche o recipiente com filme plástico/PVC;
  • Leve ao microondas em potencial alta por 15 minutos – coloque 10 minutos, veja a consistência, e se houver necessidade coloque mais 5 minutos;
  • Retire o filme plástico e os limões;
  • Amasse as batatas com um amassador ou garfo;
  • Coloque o sal e os demais temperos e mexa delicadamente.

03

DICAS:

Por ser um purê rústico não precisa amassar muito, é bom deixar uns pedacinhos.

Sirva ainda quente ou morno. Ele tem um toque cítrico do limão então combina muito bem com carne, principalmente suína e de frango.

Capriche na apresentação. Pode levar a mesa em um refratário ou direto em uma tábua de corte, dá um charme especial.

01

Sugestão de consumo: Purê rústico de batata doce com bisteca suína à milanesa

Fotos: Quintal do Talho 
Receita inspirada no purê rústico de Jamie Oliver

Bolo de churros, a sensação do momento!

01

O bolo de churros virou sensação nas redes sociais na última semana então resolvemos testar uma receita para ver se é tudo isso mesmo.

É tudo isso e mais um pouco. Quem provou, amou!!!!

Não espere uma massa super molhadinha, pois lembra muito o churros mesmo, porém assado.

Além de delicioso é um bolo super prático de fazer, vamos ao passo a passo:

INGREDIENTES:

02

  • 3 ovos
  • 2 xícaras de farinha de trigo peneirada
  • 3 colheres de margarina
  • 1/2 xícara de leite
  • 1 xícara de açúcar refinado ou mascavo (o bolo da foto foi feito com açúcar mascavo)
  • 1 colher de sopa cheia de canela em pó
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • Doce de leite pastoso para rechear e cobrir (usei uma lata de 850g da marca Majestic que trouxe de Minas, além de super cremoso ele não é um exagero de doce)

MODO DE PREPARO:

03

  1. Bata as claras em neve e deixe-as separadas.
  2. Junte a margarina, o açúcar e as gemas e bata bem.
  3. Coloque a farinha peneirada e o leite aos poucos, mas não pare de bater.
  4. Acrescente a canela em pó e o fermento e misture bem.
  5. Coloque as claras em neve.
  6. Unte uma forma média e coloque a massa no forno pré aquecido em 180 graus.
  7. Espete um palito para saber se a massa não está crua.
  8. Corte o bolo ao meio, recheie com doce de leite e depois cubra, polvilhe açúcar e canela.

DICAS:

O doce de leite tem que ser bem pastoso, molinho mesmo para poder espalhar bem e escorrer por cima.

Unte muito bem a forna, capriche na margarina e na farinha.

Aqui o bolo assou em 40 minutos à 180º. Fique atento, pois o tempo pode variar de acordo com o forno.

Para desenformar sem quebrar o ideal é tirá-lo da forma ainda morno. Muito quente pode ficar grudado partes no fundo e muito frio pode quebrar.

Se preferir pode assar em forma de furo no meio e jogar apenas doce de leite por cima.

04

EXTRAS:

Para finalizar polvilhei açúcar de confeiteiro, canela e lascas de amêndoas tostadas.

Fica ótimo com um cafézinho passado na hora ou um café gelado. Este da foto é uma ótima dica, cubos de café congelado servido com leite.

Espero que gostem.

Fotos: Quintal do Talho

Receita: Catraca Livre